sexta-feira, 23 de abril de 2010

PARADOXO



A dor que abate, e punge, e nos tortura,
que julgamos as vezes não ter cura
e o destino nos deu e nos impôs,

- é pequenina, é bem menor, é até
já não é dor talvez, dor já não é
dividida por dois!

A alegria que as vezes num segundo
nos dá desejos de abraçar o mundo
e nos põe tristes sem querer, depois,

- aumenta, cresce, e bem maior se faz,
já não é alegria é muito mais,
dividida por dois.

Estranha essa aritmética da Vida
nem parece ciência, parece arte,
compreendo a dor menor, se dividida,
não entendo, é aumentar nossa alegria
se essa mesma alegria se reparte!

J. G. de Araújo Jorge

2 comentários:

Pensamentos da Mila disse...

"A alegria que as vezes num segundo
nos dá desejos de abraçar o mundo
e nos põe tristes sem querer depois"
Essa é a vida!
Bjs
Mila

Pensamentos da Mila disse...

Obrigado Sél por retribuir a minha visitinha, adoro isso essa interação entre pessoas que gostam de algo incomum...

Mas...

Quero Parabenizá-la, pois no céu há festa porque um anjo aniversária aqui na terra...

Bjs

Mila